Você conhece a banda Leaving Eden?

Leia mais

Novo vídeo da banda Kamelot: Liar, liar

Leia mais

Novo vídeo da banda Angra

Leia mais

25 janeiro 2015

Entrevista com Nicolas Damien, integrante da banda PIN-UP WENT DOWN

Pin-Up Went Down é uma banda francesa de metal avant formada em 2006. A banda é composta por dois irmãos: Alexis e Nicolas Damien, e Asphodel, que recentemente deixou o posto de vocalista da banda, para se dedicar a outros projetos musicais. Agora os dois irmãos seguem firmes levando os propósitos insanos e sensuais de suas músicas para cada espaço deste mundo!


Leia mais:
Biografia da banda

Para mais informações

ENTREVISTA:

Nic




1) Como nasceu a ideia de criar a banda PUWD, e qual é o significado por trás do nome da banda?

Nic: Alexis e Asphodel se encontraram pela primeira vez em 2007, por intermédio da banda de metal avante-garde ""Carnival in coal". Nesta banda, Alexis tocava bateria e Asphodel era encarregada dos vocais. Depois eles decidiram juntos para criar a banda PUWD. Alexis gravou e mixou algumas músicas com Asphodel durante o verão de 2007 e "2 unlimited" nasceu!

PUWD evoca a decadência de uma estrela e sentimentos esquizofrênicos de cada um de nós.

Brothers
2) Como os membros da banda trabalha com vários aspectos musicais para criar a identidade  única e característica  do som da banda PUWD?

Nic: Em primeiro lugar, devo dizer que todos os três da banda são complementares em nossas influências musicais como na nossa contribuição musical para as canções.

Alexis ouve jazz, metal. Ouço música clássica (Bach, Debussy). Asphodel gosta de música mais estranhas...

Alexis é o chefe. Ele pode fazer qualquer coisa com todos os instrumentos. Ele é um baterista, mas ele toca baixo e guitarra também.

Ele sempre diz que o mais importante é  a mistura! Você pode sentir isso na música funk "Nearly dead bat make up".

Asphodel tem um universo muito especial. Ela tem mais imaginação e talento.

Eu sou o mais velho e tento trazer alguma serenidade ... melodias de piano doces ou tristes.

Aspho
3) Quais são as principais questões e dramas existentes nas letras das músicas da PUWD?

Nic: Você deve perguntar a Asphodel ...

4) Fale sobre algum impacto inicial quando vocês lançaram  o primeiro  álbum <2 UNLIMITED>:

Nic: O que você quer dizer com "impacto"?

O lançamento  de "2unlimited" surpreendeu muitos fãs de metal. Alguns deles odiavam  e nos culparam dizendo que  não éramos uma banda verdadeira de metal. Alguns outros amaram nossas "coisas" e pensei " esta música é tão viciante!".

Acho que o segredo deste álbum se deve as canções cativantes e darks, mistura de acordes e sintetizadores com vocais brutais e power chords de guitarra.

Tocamos metal, mas nós queremos que cada uma de nossas músicas mantenha também seu lado pop.
Band, 342



Gostou desta matéria? Veja mais ENTREVISTAS



Be (-shuuMuut-) obscene, be/be aggressive.
It’s time to figure out
That you have been too numb
Probably blinded by a so called morality
Oh Jesus, who are these men
With their nearly dead bat make-up?
We won’t try – no we don’t want to try- to understand!
Nananananana!
Tonight we belong to me, (you goddamn fuckers!)
Wouldn’t you like to know me (goddamn fuckers!)
Love Gun and Love Theme For Kiss (goddamn fuckers!)
Holy frigid society !(goddamn fuckers!)
“For the rights you rape!
For the laws you break!”
(Cheerleaders’part)
For the rights we rape?
For the laws we break?
Nevermind!
Tonight we belong to me and other stuff like that
No extermination needs nor other hailing hand
Beware all the different meenings you can understand
When the bat is more than grey, even their mind just play dead
“For the rights we rape?
For the laws we break?”
Be (-shuuMuut-) obscene, be/be aggressive.
It’s time to see what’s behind
A burning cross and a blast beat,
Noddy can (?) – Noddy motherfucking can!- than the Great Gene Simmons
Who sings love better than anyone else.
It’s time to see what’s behind
A burning cross and a blast beat,
Noddy can (?) – Noddy motherfucking can! - than the Great Gene Simmons
Who sings love better than anyone!
For the laws you break… just nevermind!
“For the rights we rape?
For the laws we break?
Nevermind!”

Beware all the different meanings you can understand through that
Beware all the different meanings you can understand through that

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Santuário do Metal - 2012. Todos os direitos reservados.
Criado por: Raquel Alves.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo