04 abril 2012

Entrevista com a banda RAVENSCRY




Entrevista com  banda Ravenscry, revela detalhes de seu estilo musical, história da banda, novo álbum e segundo vídeo. 

Raquel:  Como surgiu a idéia de criar a banda  Ravenscry ? Qual é a origem do nome? Que estilo musical que classificá-lo?

Ravenscry: Este projeto nasceu de uma idéia de Paul, que queria criar uma banda de metal melódico feminina com um som muito moderno e estilo. Ele encontrou a palavra "Ravenscry" em um livro intitulado "Brimstone Dossier" de Douglas Preston e Lincoln Child e ficou imediatamente impressionado com a elegância desta imagem. Sobre o estilo: nos sentimos parte de cada gênero que  nossos fãs pensam que pertencemos ... não somos fanáticos de um gênero particular, gostaríamos falar as diferentes influências de cada membro. Na minha opinião, esta é a única maneira de fazer música ser uma expressão de você mesmo, esta é a única maneira de fazer a música a sua vida! Acho que isso vai ser ainda mais evidente no próximo álbum ...


Raquel: Fale  sobre a formação  musical de cada membro

Ravenscry: Nossa educação musical e os gostos são muito heterogêneas: alguém vem do conservatório ou estudos particulares com professores famosos, alguém fez um caminho diferente, como auto-didata. E essa é a razão pela qual o processo criativo precisa da contribuição de cada membro.



Raquel: Quais são as bandas que influenciam a Ravenscry?

Ravenscry: Nossa música é o resultado de muitas influências! Alguns deles são, certamente, devido à vocalistas que lideram suas bandas” como Within Temptation ou Evanescence. Nossas música também contêm material pesado como Meshuggah, Soilwork e Fear Factory, ou atmosferas que soam como Ayreon de Lucassen. Tomamos inspirados em de tudo e em qualquer gênero, porque cada um de nós tem o seu gênero favorito.


Raquel: Qual é a temática de suas músicas?

Ravenscry: Natureza, a mitologia, os excessos, as críticas em relação à sociedade são apenas algumas das questõesCada música nasceu separada das outras, mas, em uma leitura atenta, o álbum inteiro pode mostrar um tema comum a trabalhar seu caminho através de todas as nossas músicas: um forte desejo de existir, de se expressar e obter um de independência, para competir com ninguém sem distinção de classe, de acordo com seus méritosNossas experiências, com aquele aperto de inspiração, induzir-nos a escrever ... às vezes falando sobre acontecimentos reais, às vezes olhando para um sentimento ouapenas brincando com palavras e imagens.


Raquel: Qual foi o show mais marcante?

Ravenscry: Não tenho dúvidas: na Scandinavian! Temos um carinho que nunca sentiu antes. Estou falando tanto a multidão e os profissionais que tivemos a cooperar com o! Temos notado um grande respeito por nosso trabalho e temos prazer em colocar para fora a música a serviço de pessoas assim.



Raquel: Quais são os planos da banda para 2012?


Ravenscry: Vamos tentar configurar tudo assim que puder, especialmente em relação à Alemanha, EUA e Japão (onde "One Way Out" foi lançado em março), porque estamos recebendo um bom retorno desses países. Estamos muito felizes com isso, porque pensamos que esta audiência é devido a relação rock e heavy metal. 
No entanto, estamos trabalhando no videoclipe segundo (ainda não posso divulgar a música que escolheu, desulpe!) E no próximo álbum, tentando acrescentar algo de novo, mas ainda soando Ravenscry!


Raquel: Deixe uma mensagem para os fãs brasileiros

Ravenscry: Durante estes anos, tivemos o prazer de conhecer virtualmente um monte de fãs do Brasil, portanto, tem que conhecer o grande entusiasmo dessas pessoas e seu amor pela música ... Seria fantástico para mostrar-lhes a nossa gratidão com uma visita especial em todo o país!


Raquel: Obrigado por disponiblizar o seu tempo para responder minhas perguntas. Boa sorte

Ravenscry: Obrigado, Raquel. É o nosso prazer!

Mais informações sobre a banda, consulte os sites:

2 comentários:

  1. Por que diabos ninguém comenta?
    Parabéns pela matéria Raquel, primeira vez aqui e já curti!
    Conheço Ravenscry a pouco tempo, mas todas as músicas q conheço são excelentes.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo elogio ao meu trabalho e desculpe a demora para responder. Além de atualizar as pessoas sobre as novidades das bandas mais conhecidas no Brasil e no mundo, meu dever também é dar uma oportunidade para que as pessoas possam conhecer o trabalho de bandas não muito divulgadas e que também tem um ótimo trabalho musical. Continue sempre acessando meu blog e mais uma vez Super Obrigado, Max!

    ResponderExcluir

© Santuário do Metal - 2012. Todos os direitos reservados.
Criado por: Raquel Alves.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo